Início > Desafio Literário, Literatura > Livro: Coraline, de Neil Gaiman

Livro: Coraline, de Neil Gaiman

Sinopse

No livro, a jovem Coraline acaba de se mudar para um apartamento num prédio antigo. Seus vizinhos são velhinhos excêntricos e amáveis que não conseguem dizer seu nome do jeito certo, mas encorajam sua curiosidade e seu instinto de exploração. Em uma tarde chuvosa, a menina consegue abrir uma porta que sempre estivera trancada na sala de visitas de casa e descobre um caminho para um misterioso apartamento ‘vazio’ no quarto andar do prédio. Para sua surpresa, o apartamento não tem nada de desabitado, e ela fica cara a cara com duas criaturas que afirmam ser seus “outros” pais. Na verdade, aquele parece ser um “outro” mundo mágico atrás da porta. Lá, há brinquedos incríveis e vizinhos que nunca falam seu nome errado. Porém a menina logo percebe que aquele mundo é tão mortal quanto encantador e que terá de usar toda a sua inteligência para derrotar seus adversários.

Resenha

Sou suspeito a falar sobre qualquer obra de Neil Gaiman, sou fã do autor desde a época em que colecionava quadrinhos. Seu estilo sempre me cativou e acima de tudo o teor de suas estórias. Como já tinha visto o filme (e adorado!) tinha certeza que não iria me decepcionar com a leitura, e tive razão quanto a isso, pois Coraline é sim um livro feito para o público infantil e que justamente por não subestimar seu público que o título consegue ir além do gênero infanto-juvenil.

“Contos de fada são a pura verdade: Não porque nos contam que os dragões existem, mas porque nos contam que eles podem ser vencidos”.

G. K. Chesterton

A epígrafe de G. K. Chesterton dá o tom da trama, Coraline é uma protagonista como não se vê em muitos livros infanto-juvenis, não pela sua esperteza, mas porque diante das várias situações apresentadas ao longo do livro ela se mostra extremamente humana, ou seja, ela reage como qualquer pessoa normal (ainda mais uma criança) reagiria numa situação assustadora, perigosa e que claramente colocasse não só a nossa vida em risco como também a de outras pessoas que são importantes pra gente, ela sente medo, insegurança e não tem certeza às vezes se o que ela faz vai dar certo. Essa preocupação do autor de não tornar perfeita a sua personagem é que ajuda a tornar a trama tão tensa e assustadora em alguns momentos, pois a gente sente junto com a personagem. Em alguns momentos Coraline se vê imersa em questões de níveis mais filosóficos, e isso enriquece a leitura. Além disso, o livro é recheado de sarcasmo e muito bom humor. Quanto às referências a Alice no país das maravilhas elas começam e terminam no fato de haver um Gato na estória e num mundo paralelo surrealista, e mais nada.

Resumindo, Coraline é um livro divertido e instigante que nos assusta na medida certa. Foge do piegas e dos clichês que assombram vários títulos infanto-juvenis nos apresentando uma literatura madura e coesa.

Filme x Livro

Vi o filme na época de seu lançamento, inclusive fiz uma avaliação dele aqui, e posso dizer que o filme foi extremamente fiel (não igual) ao livro. O filme é uma experiência sensorial única, a parceria com Henry Selick foi tão bem sucedida como foi à parceira com Dave Mckean, enquanto que o livro nos apresenta uma profundidade maior das personagens e acontecimentos da trama. E não sei se alguém não gostou do Wybie, mas ele é essencial no filme e ele é tão bem feito que parece ter sido criado pelo próprio Neil Gaiman.

Esse post faz parte do Desafio Literário 2011 e o tema para o mês de janeiro é literatura infanto-juvenil.

Anúncios
  1. 15/01/2011 às 23:50

    Fábio, confesso que nunca li nada de Neil Gaiman, mas você me deu uma dica de leitura muito boa e agora vou ter que ler este livro. Vsleu

    • icekilmer
      16/01/2011 às 12:38

      Pois é, na verdade esse foi o meu primeiro livro de Neil Gaiman, conheço o autor por várias histórias em quadrinhos que já li dele. Meu próximo livro a ser lido que foi escrito por Neil Gaiman é Stardust (que alias também se transformou num ótimo filme) e depois Deuses Americanos. Se você não tiver nenhum problema com HQ eu recomendo a série “Os livros da magia”, que pra mim é a melhor obra do autor.

  2. 16/01/2011 às 11:16

    adoro como gaiman não subestim

  3. 16/01/2011 às 11:17

    oh, céus, apertei enter antes de terminar. perdão.

    gaiman não subestima

    • icekilmer
      16/01/2011 às 12:35

      Tudo bem rs… eu faço isso o tempo todo, mesmo quando me policio.
      Quando eu comecei a ler suas estórias essa característica foi uma das coisas que eu mais gostei, e fiquei muito feliz por saber que ele manteve essa postura mesmo num livro infanto-juvenil, até porque poucas coisas irritam tanto uma criança quanto dizer a elas que são crianças rs.
      Obrigado pelo comentário.

  4. 16/01/2011 às 11:18

    gaiman não subestima o leitor, qualquer que seja a idade.

  5. 17/01/2011 às 14:04

    Gosto desse fôlego novo que ele traz ao gênero Conto de fadas. Sua originalidade sempre nos surpreende. Dá gosto de ver resenhas assim! =D

    Bjs

  6. 19/01/2011 às 07:59

    Também lí Coraline para o DL e adorei o livro. Mas ainda o considero forte para crianças com menos de 10 anos. De qualquer maneira, o livro me fez gostar ainda mais da escrita do Neil Gaiman. Já tinha lido Stardust, dele também, e cada vez gosto mais do autor. Pena que os livros dele são tão caros por aqui…

    • icekilmer
      19/01/2011 às 09:08

      Então, eu acho que depende muito da criança e principalmente da forma como lidamos com elas. Agora quanto aos livros de Neil Gaiman eles infelizmente ainda custam muito caro comparado a outros livros, mas alguns títulos já vem demonstrando uma queda de preços. Tomara que caiam mesmo rs…

  7. 19/01/2011 às 20:20

    Minha vez de dizer “vou ler”. 🙂

  8. Natália Moreira
    20/01/2011 às 18:58

    Olá. Gostei muito da sua pequena análise do livro e do filme. Estou no 4º e último ano do curso de letras e minha monografia será sobre os livros “Coraline” e “Alice no país das maravilhas”. Esse artigo que você escreveu, me ajudou a esclarecer algumas coisas. Obrigada. Até mais ^^

  9. 20/01/2011 às 20:45

    Estou louca para ler Coraline, a cada resenha que leio fico mais curiosa!!! Boa resenha.

  10. 23/03/2011 às 12:35

    Eu to procurando onde eu posso copiar a historia e salvar no meu computador,pois eu li esse livro na saraiva do shopping salvador mais eu ñ comprei pois eu sbia que eu podia copiar a historia do livro mais ñ consigo,eu amei o livro mais ñ terminei de ler é muito,muito bom.
    Parabéns Neil Gaiman!!!!

  11. jessica larissa eleuterio andrade
    27/04/2012 às 08:10

    nossa eu ja assestir esse filme pois acredito que mesmo um dia ele nao existir continuo teno saudades desse maravilhos filme por isso que eu digo que adorei assestilo

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: