Início > Responsabilidade social e sustentabilidade > Hora do Planeta 2010. Você apagou as luzes, e agora?

Hora do Planeta 2010. Você apagou as luzes, e agora?

Sábado dia 27 de março aconteceu novamente o evento conhecido como A Hora do Planeta, que consiste em apagar as luzes durante uma hora a partir das 20:30. Esse evento, criado e organizado pela WWF, teve sua primeira edição no ano de 2007 em Sidney na Austrália e a cada ano vem tendo a adesão de novas cidades e países. O Brasil teve sua primeira participação no evento em 2009 e vários monumentos históricos e várias cidades seguiram a risca a proposta de manter apagadas as luzes por uma hora. E nesse ano, 2010, acreditasse que houve uma adesão de aproximadamente 1 bilhão de pessoas.

Nesse ponto algumas pessoas se perguntam “De que vale tudo isso?” ou afirmam enfaticamente “Isso não serve pra nada”, “Não leva a lugar nenhum”, e em partes estão certos tanto em suas indagações quando em suas afirmações, mas vejam bem, eu escrevi aqui “em partes”. Digo isso porque realmente, mesmo havendo uma enorme adesão ao evento, apagar as luzes num único dia no ano não gera uma redução tão significativa em percentuais dos gases que causam o efeito estufa, porém esse não é o objetivo da campanha, reduzir a emissão de gases num único dia com uma única ação. O objeito da campanha acima de tudo é poder conscientizar a população mundial que se nós queremos mudanças primeiro elas têm que vir de nós mesmos e que nós podemos realizar essas mudanças mesmo sem a presença dos nossos governantes. A recente COP 15 prova isso, embora não tenha sido um fracasso total já que pela primeira vez China e EUA se dispuseram a estabelecer metas para redução da emissão de gases, entre outras coisas, ainda assim ela não representou nem metade do que se esperava. Isso porque nossos representantes, quando tem o poder de decisão e de ação, parecem preferir se omitir a agir com o empenho e com a seriedade necessária.

Pra quem ainda dúvida que pequenas ações são capazes de produzir um impacto significativo no que diz respeito ao problema da emissão de gases que causam o efeito estufa um recente estudo publicado pela Academia de Ciência dos EUA (Outubro de 2009) relaciona 17 medidas que são capazes de reduzir a emissão de gases em 20% ao ano e são medidas possíveis para qualquer um de nós. O que esse estudo nos mostra, principalmente, é que mesmo sem a interferência do poder público podemos atingir grandes resultados apenas com a participação da sociedade. As 17 ações que constam na pesquisa não passam de pequenas mudanças de hábito e pequenas ações como andar com os pneus dos carros calibrados, desligar os equipamentos que ficam em Stand-by quando não estão sendo utilizados, utilizar televisores LCD ou LED ao invés de Plasma ou CRT, dar preferência a eletroeletrônicos e eletrodomésticos que tenham selo de baixo consumo de energia, regular o ar condicionado, etc. Então vamos pensar, se com pequenas ações é possível um resultado desse nível o que seriamos capazes de conseguir se realmente nos empenhássemos e nos comprometêssemos com a questão do aquecimento global? E se tivéssemos uma maior participação do poder público e privado nessas ações? Com certeza os resultados seriam muito melhores e viriam num médio e não num longo prazo.

Independente do quanto cada um pode fazer pra minimizar os efeitos do aquecimento global é lógico que nossos governantes e as instituições privadas não podem se isentar da responsabilidade que possuem. Contudo, cabe a nós darmos os primeiros passos e mostrarmos qual o caminho que deveremos seguir pra que a emissão de gases seja um problema possível de resolver (ou mitigar).

Então, independente se você apagou ou não a luz durante uma hora nesse ano, não espere até o ano que vem pra agir novamente, caso contrário a Hora do Planeta 2010 não terá passado de um Flash Mob global. Temos que nos dedicar a esse assunto diariamente já que ainda temos um ano inteiro pela frente e só precisamos lembrar que são as pequenas ações realizadas em conjunto que são capazes que prover um grande resultado.

PS: Clique aqui e tenha acesso à pesquisa completa em formato PDF (texto em inglês)

Anúncios
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: