Página Inicial > Livre > Poemas para todas as mulheres

Poemas para todas as mulheres

Hoje, 8 de março, dia Internacional da Mulher!

Confesso que não era minha ideia escrever qualquer post a respeito, não por desrespeito, mas sim pra não cair na vala comum em que a maioria absurda das pessoas caem nesse dia. Enaltecer a mulher de forma demagócica como uma “flor cálida e pura“, blá, blá, blá… Isso não cola! E nem costuma estar de acordo o que o realmente pensam a maioria das pessoas que escrevem isso ou mesmo com o que são as mulheres hoje em dia, mas em fim… resolvi não escrever.

Contudo, para não deixar passar em branco, ao invés de deixar qualquer (mal)escrito a respeito eu optei por reproduzir aqui um texto de alguém que amava as mulheres, todas elas, e que reproduziu tão bem em poesias, não o que são as mulheres, mas sim o que sentia por elas.

No teu branco seio eu choro.

Minhas lágrimas descem pelo teu ventre

E se embebedam do perfume do teu sexo.

Mulher, que máquina és, que só me tens desesperado

Confuso, criança para te conter!

Oh, não feches os teus braços sobre a minha tristeza não!

Ah, não abandones a tua boca à minha inocência, não!

Homem sou belo

Macho sou forte, poeta sou altíssimo

E só a pureza me ama e ela é em mim uma cidade e tem mil e uma portas.

Ai! teus cabelos recendem à flor da murta

Melhor seria morrer ou ver-te morta

E nunca, nunca poder te tocar!

Mas, fauno, sinto o vento do mar roçar-me os braços

Anjo, sinto o calor do vento nas espumas

Passarinho, sinto o ninho nos teus pêlos…

Correi, correi, ó lágrimas saudosas

Afogai-me, tirai-me deste tempo

Levai-me para o campo das estrelas

Entregai-me depressa à lua cheia

Dai-me o poder vagaroso do soneto, dai-me a iluminação das odes, dai-me o cântico dos cânticos

Que eu não posso mais, ai!

Que esta mulher me devora!

Que eu quero fugir, quero a minha mãezinha quero o colo de Nossa Senhora!

PS: Poema extraído do livro “Vinicius de Moraes — Poesia completa e Prosa”, Editora Nova Aguillar — Rio de Janeiro, 1998, pág. 262.

Categorias:Livre
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 102 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: